sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Novo estudo admite possibilidade de tratamento do autismo

Um estudo da Universidade de Columbia, em Nova Iorque, admite a possibilidade de tratamento do autismo, depois de testes realizados em ratos.
Na pesquisa, cujos resultados foram publicados na revista norte-americana "Neuron", os investigadores observaram uma redução nos comportamentos autistas dos animais, após a administração de uma substância em estudo.

Continua: 

Mais detalhes do estudo na revista Neuron:

Loss of mTOR-Dependent Macroautophagy Causes Autistic-like Synaptic Pruning Deficits

Highlights

  • ASD human brain shows dendritic spine pruning defects and impaired mTOR-autophagy
  • mTOR overactivation causes spine pruning defects in Tsc2+/− ASD mice
  • Neuronal autophagy enables spine elimination with no effects on spine formation
  • Loss of neuronal autophagy underlies spine pruning and social interaction deficits
  • http://www.cell.com/neuron/abstract/S0896-6273(14)00651-5

Nenhum comentário:

Postar um comentário