terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Mães de autistas criticam personagem de "Amor à Vida"


http://www.achebelem.com.br/noticia/29055-maes-de-autistas-criticam-personagem-de-amor-a-vida

Por Carol Souza em 
Mães de autistas criticam personagem de "Amor à Vida"

Rita Valéria Brasil Santos, a presidente da Associação de Amigos do Autista da Bahia, criticou a personagem autista da trama das 21h da Globo, "Amor à Vida" de Walcyr Carrasco, Linda.

De acordo com ela, a trajetória de Linda é uma "utopia": "É uma utopia o que a novela apresenta no momento", opinou ela, mãe de um autista de 21 anos, que relembrou que a personagem na trama foi criada sob um rígido controle dos pais, em especial da mãe, e longe do convívio com a sociedade, o que torma a interação com o "namorado" pouco crível.

"O autor preferiu mostrar apenas a questão de sexualidade e não mostrou a luta da família para conseguir escola, tratamento, diagnóstico. Ele (Walcyr) é um formador de opinião e tenho medo de que mães de autistas tenham a ideia da Linda na cabeça", revelou ela.

Ana Maria Mello, superintendente da Associação de Amigos do Autista de São Paulo concorda com Rita: "A realidade da Linda está muito distante do que é o autismo. Está muito romanceado. Não existe gente com autismo como a Linda, pelo menos que eu conheça", disse ela, que também é mãe de um autista de 32 anos.

Ana Maria ainda falou sobre o relacionamento dos personagens Linda e Rafael, que da forma que é mostrado, não deveria acabar em prisão, mas na vida real a situação seria completamente diferente: "Dentro do enredo da novela, eu acharia uma injustiça denunciá-lo. Na vida real, seria abuso porque não existe a menor possibilidade de ser uma ação conjunta. O relacionamento é uma das maiores dificuldades que eles têm. É difícil você perceber um afeto. Até para demonstrarem afeto pela própria família é complicado



Leia mais: http://www.achebelem.com.br/noticia/29055-maes-de-autistas-criticam-personagem-de-amor-a-vida#ixzz2r46Cp6sj




Nenhum comentário:

Postar um comentário