quinta-feira, 22 de outubro de 2009

O Mundo dos TEAs

Bem vindo ao mundo dos acrônimos!


• ASD

• AS

• PDD

• PDD-NOS

• DTT

• ABA

• PECS

• PEI

• FLOOR TIME

• SUN-RISE

• TEACCH

• FC etc…………..

BEM VINDO AO MUNDO DAS MÚLTIPLAS DECISÕES:

• Classes especiais?

• Inclusão?

• Dietas?

• Suplementos?

• Medicação?

• Aparatos de comunicação?

• Reforço positivo?

• Esquemas visuais?

• Prompts?

• Estórias sociais?

• Diagnóstico Médico? Qual?

• Abordagem pedagógica. Qual?

• Milhares de caros tipos de “curas”

Para pais e educadores, as decisões são TERRÍVEIS!!

• Podemos?

• Não podemos?

• E se?

• Por que?

• Em quem nós realmente acreditamos ou devemos acreditar?

ESCOLHENDO UM CAMINHO:

• ANÁLISE DAS ATIVIDADES

• AVALIAÇÃO FUNCIONAL DO COMPORTAMENTO

• PLANO DE INTERVENÇÃO DE COMPORTMENTO

• METAS

• OBJETIVOS

• Determinar a necessidade e fazer considerações.

• Determinar função e mudar a topografia

• Reforçar e ensinar habilidades

• Tornar o ambiente adequado

Logo:

• Objetivo da análise: melhorar a qualidade de vida

• Isto implica em mudar os sistemas sociais, nem tanto os indivíduos com autismo

• Foco positivo e NÃO aversivo.

• NÃO eliminar, mas diminuir, modificar

• Considerar gostos e preferências

• Intervenção no contexto natural

• União, trabalho em equipe, coerência e coordenação

• Paciência, respeito, dar sequência e revisão

Objetivos principais de professores /educadores de pessoas com autismo:

• Desenvolver habilidade de comunicação e brincar.

• Ser “normal”.

• Ser capaz de interagir socialmente com amigos e familiares.

• Desenvolver independencia nas atividades da vida diária.

• Adequado programa/serviço de educação

• Sair, ir de passeio com naturalidade.

Abordagens educacionais

• São várias as abordagens pdagógicas/educacionais para autismo atualmente

• Elas se diferenciam em termos de:

• Filosofia do método

• Natureza do serviço necessário (casa/consultório/escola?)

• Pessoas envolvidas, papéis desempenhados ou a desempenhar.

• Grau de estrutura

• O grau em que a abordagem/programa/método foram confeccionados para se adaptarem as reais necessidades da pessoa com autismo.

Porque a estruturação do ambiente ajuda EM AUTISMO?

• dificuldade em compreender ( instruções verbais),

• dificuldade em interação social, ambiente não adequado ( não estruturado),

• dificuldades em comunicar-se,

• baixo controle das situações, portanto menos recursos de auto controle e solução de problemas,

• pouca tolerância a mudanças,

• fatores orgânicos / médicos, padrões desiguais de desenvolvimento.



Características mais comuns das abordagens que funcionam em autismo:

• Adaptada e construida para desenvolver as habilidades da pessoa com autismo.

• Participação relevante de toda equipe

• Conhecimento, RESPEITO, E UTILIZANDO O ESTILO INDIVIDUAL COGNITIVO.

• Os objetivos têm significado, estão relacionados ao contexto, e estão baseados primeiramente em desenvolver compreensão

• Plano para o futuro.

COMPREENSÃO através de apoios:

1. Estabelecer rotinas consistentes



2. Informação visual – utilizando o estilo visual de aprendizagem.

Estabelecendo Rotinas:

rotina = consistencia = compreensão = participação = aprendizagem

• Pessoas com desordens do espectro do autismo quase sempre se adaptam, participam e aprendem melhor em ambiente estruturado.

• Quando se estabelece uma rotina:

– Nossos comportamentos e ações são mais consistentes.

– Nossa fala é consistente

– Redução de ansiedade

– O papel de cada é um é estabelecido

– A rotina é previsível e o que “vem” torna-se conhecido.

– Habilidades são reforçadas através da prática

Pontos para se estabelecer uma rotina efetiva

• Identificar os pontos envolvidos

• Identificar o objetivo funcional (ex:se vestir, escovar os dentes, etc)

• Que tipo de comunicação usar?

• Suporte visual para cada passo.

• Garantir consistencia com pessoas, tempo e lugar

• Assim que adquirido, praticar em diferentes locais e situações para garantir que a aprendizagem foi generalizada para cada situação.




Pensador visual > Aprendizagem visual

A educação da pessoa com autismo deve basear-se em apoios visuais

Apoios visuais:

• Pessoas com autismo, normalmente, aprendem melhor com informações apresentadas visualmente.

• Como sabemos, está relacionado ao estilo cognitivo.

• Mas o que é apoio visual?

– Esquemas de atividades (ex. Agenda diária,sequencias de lazer e trabalho)

– Símbolos / objetos

– Símbolos para a aprendizagem de trocas de comunicação . EX: PECS

– Símbolos representando informaçoes, conceitos, expectativas…

Pistas para a introdução de apoios visuais:

• Seja claro no que voce se propõe ensinar.

• Introduza uma atividade, símbolo por vez.

• Use representação simbólica adequada.

• Local apropriado ( sem distrações)

• Apoio + fala

• Adapte os símbolos para que possam ser utilizados e reconhecidos pelo entorno da pessoa com autismo.

• Avaliação constante. Modificação sempre que necessário.



FORMAS DE COMUNICAÇÃO:

• MOTORA

• GESTUAL

• VOCAL

• PICTOGRAMAS

• ESCRITA

• SINAIS

• VERBAL

Funções da COMUNICAÇÃO:

• PEDIR

• CHAMAR ATENÇÃO

• REJEITAR OU RECUSAR

• COMENTAR

• DAR INFORMAÇÃO

• BUSCAR INFORMAÇÃO

• EXPRESSAR SENTIMENTO

• ROTINA SOCIAL

CONCLUSÃO:  Os transtornos do espectro do autismo são hoje, para a toda a vida.

Pessoas com autismo tem sua própria personalidade, estilo cognitivo e um leque de habilidades e necessidades. Contudo, o modo como tudo isso afeta uma pessoa com autismo, também é responsabilidade da sociedade.

Através de conhecimento e entendimento o “sui generis” estilo cognitivo do autismo, vamos conseguir apoiá-los no exercício de seus direitos e exercerem seu direito a cidadania como qualquer outra pessoa deve usufruir.
NÃO existe mágica, e sim muita dedicação, estudo e talento! Nesta vida, não podemos ser inflexíveis diante da realidade. Não somos donos da verdade, e coerência e talento devem ser as palavras chaves para os profissionais que lidam com a educação de pessoas com autismo.

“ Todas as cores do arco-íris superpostas formam o branco: só a integração de todos com suas diferenças é que pode criar harmonia” ( Rose Marie Muraro)

Nenhum comentário:

Postar um comentário